category: 37
category: 84
Exposição de orquídeas agita o Horto do Fonseca - Site do bairro do Fonseca

Exposição de orquídeas agita o Horto do Fonseca

orquideas_0-164914
Exposição de orquídeas agita o Horto do Fonseca

Quem visitou a exposição pode conferir orquídeas, bromélias, suculentas, samambaias, entre outros tipos de plantas

A manhã do último dia da exposição de orquídeas do Horto Florestal do Fonseca superou as expectativas do curador do orquidário e bromeliário, Rodrigo Aragão, e, por volta das 11h, já tinham passado cerca de 2 mil pessoas no local.

Com entrada franca, a exposição se encerrou neste domingo (23), às 17h, com o sorteio de uma orquídea para quem curtiu o evento nas redes sociais. Além delas e das bromélias, carro chefe do orquidário, suculentas, samambaias, ervas, temperos, espécies frutíferas e rosas do deserto também estavam expostas. 

Segundo a colaboradora da exposição Aldacira Alves Araújo (40), os presentes tiveram a oportunidade de adquirir as orquídeas Vandas. A planta, em sua maioria epífitas, se apoia no tronco das árvores e tem suas raízes na parte de baixo, servindo como captadoras de umidade e alimento. Elas serão a grande atração da próxima edição da exposição, que já tem data marcada para o primeiro fim de semana de Outubro. 

“As Vandas são tailandesas, não necessitam de material de cultivo e se adaptam bem ao clima daqui. Hoje trouxemos algumas como aperitivo, mas na próxima edição queremos trazer uma explosão de espécies asiáticas”, adianta Rodrigo. 

Na seleção das plantas para a exposição, o curador e produtor do orquidário prioriza aquelas que se adaptam bem a região, facilitando o seu cultivo, algo importante para as amigas Ana Maria da Silva (68) e Ângela Alves de Paiva, que, inspiradas em suas mães, encheram a casa de verde. 

“É preciso pensar antes de comprar plantas, é preciso ter amor, carinho e tempo para se dedicar. Muitas pessoas as levam pela emoção e depois as esquecem, molhando-as vez ou outra. Tenho uma árvore em casa com mais de um metro e meio, isso porque eu cuido bem”, alerta Ana Maria.

A exposição, que tinha como objetivo atingir a marca de 3 mil visitantes, segundo a previsão do curador, foi um incentivo a mais para visitar ao Horto. Este é o caso da psicóloga Denise Sigwalt, que há muito tempo não visitava o “jardim botânico de Niterói” e se encantou com a mostra.

“Moro em apartamento e a sala e a área dele já estão cheias de verde. Já fazia muito tempo que eu não vinha ao Horto, mas eu adoro plantas e agora estou levando para casa uma Flor de Maio e uma Phalaenopsis”, finaliza a visitante. 

Fonte: http://www.ofluminense.com.br